Acadêmicos de Psicologia organizam evento sobre 'Perdas Amorosas e Paixões obsessivas'

Psicologia Iespes

O evento, realizado no auditório do IESPES, dia cinco de junho, pelos alunos do 6° semestre noturno de Psicologia, debateu sobre os relacionamentos amorosos do cotidiano que acabam e podem levar o indivíduo ao suicídio. O objetivo foi ajudar as pessoas a superar o sofrimento das perdas amorosas. A psicóloga convidada, Ádria Silva, palestrou sobre relacionamentos contemporâneos, e o psicólogo Rui Guilherme falou sobre ciúmes obsessivos.


“É um tema pouco falado. A região Norte está entre as primeiras no ranking de suicídio, com relação a relacionamentos. O tema é relevante pelo fato de possuir muitos casos em que as pessoas não conseguem superar o sofrimento. A pessoa pode adoecer. E nós, como futuros psicólogos, temos que prevenir a saúde da sociedade”, relata a aluna de psicologia Raíza Costa.

O enfoque é na parte patológica do ser humano, que acaba por fazer coisas surpreendentes com relação a questões amorosas. É uma forma de tirar o “tabu” de loucura das pessoas apaixonadas. O projeto científico faz parte da disciplina Seminários Integradores I.


A coordenadora do curso, professora Kláudia Sadala, ressalta o crescimento para o aluno. “Desde 2011 trabalhamos com a disciplina nesse formato. As pessoas que assistem não imaginam o trabalho que eles têm em organizar. A forma como conduzir a produção, temática, recursos tecnológicos, produção de certificados, etc. É importante para o crescimento do aluno que logo estará no mercado de trabalho e poderá planejar um evento como este”.


Além da palestra, o evento teve minicursos, no período da tarde, sobre pedofilia, maioridade penal, e inclusão social. A disciplina serve para desenvolver as habilidades de produção de um evento científico e exercitar o planejamento e execução em sua totalidade.