Farmacêuticos coletam mais de 130 quilos de lixo durante ação contra o Aedes Aegypti


O conselho Federal de Farmácia em parceria com IESPES, UFOPA, Vigilância Sanitária, e a associação dos farmacêuticos de Santarém realizaram no sábado, 19, uma mobilização contra o mosquito Aedes Aegypti, no Centro comercial de Santarém. Aproximadamente 250 pessoas participaram da ação, com um série de atendimentos na área da saúde.

A concentração foi na praça da matriz. Alunos do curso de Farmácia do IESPES orientaram a população sobre as principais formas de combater o mosquito que transmite Dengue, Zika e Chikungunya. Foram coletados 132 quilos de lixo em 56 sacos, incluindo copos plásticos, papéis e outros focos de reprodução do mosquito.

Também houve acompanhamento terapêutico, verificação de pressão arterial, verificação de Índice de Massa Corporal (IMC) e orientações sobre o uso de medicamentos. "Um mosquito não pode ser mais forte que uma categoria inteira unida", foi a frase utilizada pelo grupo como incentivo ao combate ao mosquito Aedes Aegypti.