Comitê de Ética em Pesquisa do Iespes recebe treinamento


O Comitê de Ética em Pesquisa do Instituto Esperança de Ensino Superior (Iespes) passa por treinamento após aprovação do registro do Comitê de Ética em Pesquisa (CEP), pelo Conselho Nacional de Saúde. O treinamento iniciou ontem, 4, e termina hoje, 5. A aprovação aconteceu por meio da Comissão Nacional de Ética em Pesquisa (CONEP). O reconhecimento garante ao Iespes, durante três anos, a partir do dia 29 de janeiro de 2016 - data dos documentos enviados pelo Conselho -, a análise de projetos de pesquisa a níveis regional e nacional.

Para o coordenador pedagógico do Iespes, Marcos Moura Gentil é uma satisfação no ano em que a instituição completa 15 anos, obter esse reconhecimento do Conselho Nacional de Saúde e ser a única instituição privada da região referência em aprovação de pesquisas. “É um sentimento de reconhecimento pelo trabalho desenvolvido ao longo desses 15 anos, e também um estímulo para que a instituição continue a investir na área científica. A aprovação do CEP é um ganho acadêmico e científico para o Iespes, mas sobretudo para Santarém e região, o Iespes passa a ser a única instituição privada que vai receber projetos de pesquisa que serão submetidos ao Comitê".

O Iespes mantém, alinhada a missão da mantenedora Fundação Esperança, o incentivo não só ao ensino, mas também à pesquisa e extensão. Anualmente a Fundação Esperança, como parte da política de investimento em pesquisa, publica editais de iniciação científica, e concede incentivo para professores pesquisadores, e bolsas para alunos.

O Comitê é um grupo formado por mestres e doutores, que tem como presidente o professor doutor Daniel Berretta, e vice o professor doutor Juarez de Souza. Os demais componentes que são os pareceristas, são professores titulados de diversas áreas do conhecimento.