Acadêmicos de cursos da área da saúde participam da Cerimônia do Jaleco


Acadêmicos do 1º semestre dos cursos na área de saúde do Iespes participaram, ontem, 05, da Cerimônia do Jaleco 2018. O evento ocorre pelo quarto ano consecutivo. Na ocasião, é contado o histórico do jaleco, sua simbologia; os alunos fazem o juramento do estudante de saúde; e são informados sobre Biossegurança por meio de uma palestra.

Biossegurança é o conjunto de ações que visam evitar ou controlar os riscos provocados por agentes químicos, físicos e biológicos à biodiversidade.

O palestrante deste ano foi o professor do curso de Odontologia, Ygor Rebelo. Ele atentou para os cuidados necessários para evitar que os materiais utilizados no ambiente de trabalho não prejudiquem o profissional e o paciente. “É preciso ter cuidado com qualquer tipo de exposição a agentes físicos, químicos e biológicos, por causa da contaminação com algo contagioso, que temos contato o tempo todo nas nossas profissões”, explicou.

O professor citou exemplos de medidas de proteção do profissional de saúde e do paciente e os tipos e as vias de transmissão de contaminantes e patógenos (organismos capazes de produzir doenças infecciosas aos seus hospedeiros), entre outros assuntos relacionados.

Atentou para o uso correto do jaleco, que é um Equipamento de Proteção Individual (EPI). “O jaleco vai ser a capa de proteção para que vocês não sejam expostos a nenhum tipo de agente infecioso. Por isso, vocês não vão sair com ele na rua, por isso, não vão abraçar alguém vestidos com ele. Lembre-se que você fez uso dele, que respingou algum material, te protegeu de algo e, por conta disso, ele deve ser higienizado e guardado da maneira correta”, detalhou.