Curso de Jornalismo do Iespes realiza roda de conversa sobre a história da TV em Santarém


Em 2019, a comunidade santarena celebra quatro décadas da implantação do primeiro canal de televisão na cidade - a TV Tapajós, filiada à Rede Globo. Para marcar a data, o curso de Comunicação Social/Jornalismo do Instituto Esperança de Ensino Superior (Iespes) promoveu nesta quarta-feira, 12, uma roda de conversa com a presença dos jornalistas Tatiane Lobato, Zé Rodrigues e Sílvia Vieira.

Os profissionais falaram sobre "A história da TV em Santarém: os 40 anos da TV Tapajós". Estiveram presentes alunos, professores, convidados externos e profissionais da área da comunicação que interagiram com os integrantes da roda de conversa.

De acordo com a coordenadora do curso de Jornalismo do Iespes, Rosa Rodrigues, o objetivo foi aproximar os acadêmicos da história da comunicação em Santarém e região e também falar das novas perspectivas para os que estão em processo de formação e para os que sonham atuar na área.

“Nesses 40 anos da televisão em Santarém, viu-se uma evolução comunicativa a partir do surgimento de outros veículos de comunicação, e, agora, com um panorama ainda mais diverso com a internet e as redes sociais. A proposta foi olharmos a história, o processo evolutivo, o crescimento profissional e percebermos as novas possibilidades criadas no panorama atual do universo da comunicação”, ressaltou.

Todas as turmas do curso de jornalismo participaram da programação, atentos às exposições e interagindo a partir de perguntas e comentários. Na ocasião, a turma do 5º semestre socializou uma atividade desenvolvida ao longo do semestre, na disciplina Telejornalismo II.

Os alunos apresentaram a gravação de um piloto do projeto TV Iespes, a partir da produção de boletins semanais, e falaram sobre a experiência que se aproximou da rotina de uma redação, principalmente quanto aos prazos para a produção.

A roda de conversa se constituiu em um momento de aprendizado sobre a história da comunicação na região e de reafirmação da importância do profissional de jornalismo na produção de informação com responsabilidade e compromisso social.